Prefeito lembra que a cidade tem a maior maior proporção de idosos, o que apresentaria 40% a mais de probabilidade de óbito - Reprodução / Facebook
Prefeito lembra que a cidade tem a maior maior proporção de idosos, o que apresentaria 40% a mais de probabilidade de óbitoReprodução / Facebook
Por Irma Lasmar
Niterói - Até a noite desta sexta-feira, a cidade tem 36 casos confirmados da Covid-19, onde 20 pessoas seguem em isolamento domiciliar, oito estão internadas em hospitais particulares (sendo cinco dessas em Unidade de Terapia Intensiva), sete pessoas curadas e um óbito.
"Nas próximas semanas, seremos o primeiro município do Brasil a abrir um hospital exclusivo para atendimento a vítimas do coronavírus na Região Oceânica, com novos leitos com respiradores”, anunciou o prefeito de Niterói, Rodrigo Neves.
Publicidade
Rodrigo Oliveira, secretário municipal de Saúde, ressaltou que a cidade comprará, por conta própria, testes rápidos para atendimento maciço à população, inclusive pessoas com sintomas leves, e, assim, melhor monitorar os casos da Covid-19.
“Não vamos esperar o Ministério da Saúde. Até hoje, só recebemos uma quantidade de testes que nos permita fazer nas pessoas com sintomas mais graves”, disse Oliveira.
Publicidade
De acordo com o prefeito, o município tem características socioeconômicas e territoriais que tornam fácil e rápida a propagação do coronavírus.
“Niterói tem uma grande parcela de sua população em classes média, média alta e alta e com viagens ao exterior, principalmente em meses de férias como dezembro, janeiro e fevereiro e isso propiciou que o vírus chegasse até aqui. Mas também temos uma população muito receptiva e informada que tem respeitado as indicações das organizações de saúde e sanitária e estão mantendo a quarentena, o que nos permite um avanço mais lento da doença. Se não tivéssemos adotado a quarentena, mesmo nos casos leve, já teríamos uma propagação muito rápida. Niterói ainda não teve nenhuma transmissão comunitária”, analisou Neves.
Publicidade
O prefeito lembra que a cidade tem a maior maior proporção de idosos, o que apresentaria 40% a mais de probabilidade de óbito. Atualmente, são sete na faixa de 60 a 69 anos e quatro de 70 a 79 com Covid-19 entre os casos confirmados de Niterói.