o novo normal nas vendas

Modelos de comercialização via drive-thru e delivery, empregados no Plaza Niterói como alternativa de negócios na pandemia, prosseguem mesmo após a reabertura do shopping

Por O Dia

No período em que os shoppings centers permaneceram fechados devido às normas de prevenção contra a covid-19, os lojistas e administradores dos centros comerciais tiveram que buscar alternativas para continuar vendendo. Uma delas foi o modelo drive-thru, em que os clientes compram o produto pela internet e o retiram em pontos específicos sem precisar sair do carro. No Plaza Niterói, esse modelo veio para ficar mesmo após a reabertura dos shoppings na cidade, autorizada pela prefeitura, mas com restrições, desde o dia 1º deste mês, depois de mais de 100 dias de portas fechadas.

Atualmente, o centro comercial, que fica no Centro da cidade, conta com a adesão ao sistema de 90 lojistas. Mas o objetivo da administração é ter, até o fim do mês, mais de 100 marcas disponíveis no novo modelo de vendas. Uma das lojas que já comercializam produtos via drive-thru é a Tea Shop, cuja gerente, Erika Morche, de 33 anos, vê com bons olhos a iniciativa.

"A gente teve uma ótima aceitação, porque muitos clientes ainda preferem não entrar no espaço físico do shopping. Mas, ao mesmo tempo, eles nos recebem muito bem no drive-thru quando levamos os produtos até eles. O cliente nem precisa sair do carro, temos álcool em gel e luvas disponíveis, tudo bem seguro para os clientes e os funcionários. São novos hábitos e nós, lojistas, vamos nos aprimorando aos poucos. Ter mais alternativas disponíveis de compra é algo benéfico tanto para o cliente quanto para nós", avalia.

MODELO DELIVERY

Além do drive-thru, outra alternativa durante a pandemia, e que vai permanecer, é a estratégia de delivery que, a partir deste mês, teve raio de ação ampliado para 30 quilômetros no serviço de entrega. Os produtos seguem direto para o endereço sinalizado pelo cliente nas compras realizadas pelo aplicativo do empreendimento: Plaza Shopping Niterói — brMalls, lançado este mês. Com ele, é possível fazer compras em todas as lojas do shopping na tela do celular. Os produtos são entregues em até 24 horas, garante Rafael Montenegro, superintendente do shopping.

De acordo com ele, os serviços de drive-thru e delivery são tendências de mercado que, além de trazer benefícios para o consumidor, podem auxiliar os lojista a vender, especialmente durante a permanência das medidas de isolamento social para conter a doença causada pelo novo coronavírus.

"O drive-thru é uma tendência que chegou para ficar. Neste período de pandemia, estamos nos empenhando como companhia para acelerar as estratégias digitais e de vendas por multicanais, como compras remotas, que acontecem também no sistema de delivery. Essas operações trouxeram agilidade para os consumidores, que conseguem ter o produto em mãos no mesmo dia da compra", explica Montenegro, acrescentando que essas alternativas, além de proporcionar maior comodidade e segurança aos consumidores em tempos de pandemia, geram mais renda para os lojistas: "Especialmente para os pequenos e médios empreendedores, que têm sido os mais afetados pela crise imposta pela covid-19".

CLIENTE SATISFEITO

A publicitária Bruna Moraes, de 25 anos, é cliente assídua do Plaza Shopping Niterói. Ela conta que sentiu maior segurança ao comprar pelo aplicativo, e elogiou a agilidade na entrega do produto.

"Com o avanço da pandemia, o consumo online foi inevitável para muita gente. Eu sigo o Plaza no Instagram, onde vi o serviço de delivery. Precisei usá-lo quando meu celular caiu no chão e quebrou a película. Eu comecei a pesquisar lojas online, mas os prazos de entrega eram muito longos, com até 20 dias para chegar. Além do frete, que era quase o mesmo preço do produto. Foi quando lembrei do sistema delivery do Plaza. Entrei em contato com a loja que vende película, a atendente me respondeu rapidamente e, em menos de uma hora, o entregador estava aqui em casa com o produto higienizado", conta.

Comentários