Primeiro socorro aos feridos aconteceu na frente da loja - Foto Internet
Primeiro socorro aos feridos aconteceu na frente da lojaFoto Internet
Por Luciana Guimarães
Niterói - Explosão aconteceu depois de um incêndio na loja de armas Nit Army, situada na Rua Visconde de Sepetiba, no Centro, nesta segunda (28/09) por volta das 16h.
Cinco pessoas ficaram feridas. Uma das vítimas é funcionário da loja. 
Publicidade
No Hospital Estadual Alberto Torres estão Willy Jonatan Monteiro de Paula, de 25 anos; Mauricio Torres Ardigo, de 43, e Everton Gil Passos da Silva, de 33. Todos têm quadro de saúde estável. Já no Hospital Azevedo Lima está Sebastião Erthal Neto, de 74 anos, com estado de saúde grave.
Alexandre Calvet Silva, de 53 anos, foi socorrido, mas não resistiu e faleceu a caminho do Hospital de Saracuruna, que é referência em queimados na Região Metropolitana.
Publicidade
Sebastião Erthal Neto, de 74 anos, encontra-se no CTI em estado grave.
De acordo com informações dos bombeiros no local as chamas teriam se originado da explosão de uma granada. Mas possibilidade foi descartada horas depois.
Publicidade
Um curto-circuito no ar-condicionado do segundo pavimento do estabelecimento é a provável causa de onde as chamas começaram. A Prefeitura de Niterói, por meio da Defesa Civil Municipal, informou que esteve no local da explosão e a primeira avaliação não revelou danos na estrutura do imóvel. A loja foi interditada, e uma equipe voltará nesta terça-feira (29) para nova vistoria. A empresa possui alvará ativo e certificado de registro do Ministério da Defesa.
A Polícia Civil recolheu imagens das câmeras de segurança para tentar identificar as causas do acidente e testemunhas estão sendo ouvidas.
Publicidade
Na manhã desta terça-feira, uma nova perícia está sendo realizada no local por agentes do Esquadrão Antibombas e do Posto Regional de Polícia Técnica e Científica (PRPTC), que fica na Rua Visconde de Sepetiba, entre as ruas São João e Marechal Deodoro.