MP move ação contra advogado que postou ofensas ao Nordeste na Internet

Denúncia diz que profissional, que foi ao Maranhão, fez críticas raciais e discriminatórias contra cultura e população nordestina

Por helio.almeida

Rio - O advogado Gustavo Zanelli Ferreira está conhecido em todo o país. Não pelo seu trabalho, e sim pelos comentários considerados ofensivos e preconceituosos sobre as regiões Norte e Nordeste do Brasil. Em um post do seu perfil no Facebbok, ele afirma que se o país seria "de primeiro mundo" se não existissem as duas regiões. A mensagem foi compartilhada e criticada por internautas. Ele excluiu a publicação, mas tarde demais: O caso chegou ao Ministério Público, que moveu uma ação contra o profissional.

A denúncia-crime procotocolada no Ministério Público Federal (MPF) informa que o advogado, "por meio de seu perfil social no 'facebook', fez violentas críticas, de caráter eminentemente´s raciais e discriminatórias contra a cultura e população nordestina e maranhense, fazendo apreciações depreciativas e ofensas a estes".

A procuradora-geral de Justiça, Regina Lúcia de Almeida Rocha, representou junto à seção maranhense da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e apresentou notícia-crime pela prática de ofensas de caráter racial e discriminatório contra a cultura e a população nordestina e maranhense.

Gustavo foi ao Maranhão e ironizou as condições climáticas de São Luís. "Acabo de chegar em terras maranhenses! O calor aproxima os 90 graus". Quando uma pessoa comenta "GU VC TA MORANDO NO MARANHÃO MESMO !!!!!!!!!!", Gustavo vai além. "Até dezembro ficarei aqui (...) Não sei se suportarei até dezembro o calor, a grosseria dos nordestinos e essa comida horrivel, mas o objetivo inicial é ficar até dezembro", dispara. Ele só irá se manifestar na Justiça.

Criticado na web

Nas redes sociais, Gustavo foi bastante criticado: "Um advogadozinho, que saiu do Paraná para ganhar dinheiro do Maranhão e agora sai falando mal, defamando meu estado", disse Polly Montellys. "O Nordeste não é só uma região é uma Nação Nordestina e se um dia acontecer de houver essa separação veja bem, nóis sairemos no lucro, consute os tributos diante a #UNIÃO e veras o quanto o #Brasil iria perder com essa sua sandisce", afirma Fábio Souza.


Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia