Bombeiros isolam incêndio em depósito de açúcar em Santa Adélia

Fogo atingiu dois depósitos da empresa Agrovia, onde havia cerca de 28 mil toneladas do produto

Por joyce.caetano

São Paulo - Os bombeiros conseguiram na tarde desta segunda-feira isolar em um único galpão o incêndio iniciado na sexta-feira (25) em depósitos de açúcar em Santa Adélia, interior de São Paulo. O incêndio atingiu dois depósitos da empresa Agrovia, onde havia cerca de 28 mil toneladas de açúcar. Há, no momento, oito bombeiros trabalhando no local, com auxílio dos brigadistas da empresa.

Segundo nota divulgada pela Cetesb, a companhia de saneamento ambiental, em torno de 200 a 300 toneladas de açúcar derretido podem ter sido escoadas para o leito do rio que nasce em Santa Adélia, e corta os municípios de Pindorama, Catanduva, Catiguá e Uchoa, até chegar ao Rio Turvo. A Cetesb informou, em nota, que recebeu denúncias da ocorrência de "uma mortandade de peixes" em Catanduva.

O xarope de açúcar não é tóxico mas, em função da grande quantidade e da carga orgânica que contém, há diminuição do oxigênio dissolvido na água, o que pode causar mortandade de peixes.

Reportagem de Bruno Bocchini

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia