PM mata vigilante e comete suicídio após discussão de trânsito em SP

A briga terminou quando o policial atirou contra o vigilante, que chegou a ser socorrido, mas não resistiu

Por tamara.coimbra

São Paulo - Após se envolver em uma briga de trânsito, um policial militar de folga matou um vigilante e se matou em seguida por volta das 17h desta terça-feira na rua Luís Mateus, em Itaquera, Zona Leste de São Paulo. Segundo a Polícia Militar, o cabo Sidney Domigos Correia bateu o carro em que dirigia em um veículo de manutenção da AES Eletropaulo.

O vigilante Paulo Roberto da Paixão, que trabalhava em um prédio da Defesa Civil, ouviu o barulho e foi ver o que tinha acontecido. Ele e o policial começaram a discutir, ainda de acordo com informações da policia militar. A briga terminou quando o policial atirou contra o vigilante, que chegou a ser socorrido no hospital Tiradentes, mas não resistiu. Após atirar contra o vigilante, o cabo se matou.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia