Mecânico registra boletim de ocorrência e é preso por engano no Maranhão

De acordo com familiares, Orlei Martins, que era amigo do mecânico na infância e na adolescência, usava o nome dele para se livrar das prisões

Por tamara.coimbra

Maranhão - O mecânico Roberval Lopes Castro, de 32 anos, ficou preso por nove dias no Centro de Ressocialização de Presos de Açailândia, no Maranhão, após ir à delegacia registrar um boletim de ocorrência, pela perda de uma carteira de trabalho, e ser informado que havia um pedido de prisão contra ele por furto da comarca de Estreito, além de outros dois processos, um deles no estado de Tocantins.

Roberval Lopes Castro ficou preso por nove diasReprodução Rede Mirante

A família do mecânico relatou que conseguiu reunir provas de que ele trabalhava na hora dos crimes. Além disso, eles descobriram que o acusado que usava o nome de Roberval para conseguir se livrar da prisão era Orlei Martins Vila Nova, que foi amigo do mecânico na infância e na adolescência. O criminoso tem várias passagens pelas polícias do Maranhão e do Tocantins e sempre que é preso se passa por Ruberval.

De acordo com o advogado do mecânico, o Ministério Público se manifestou favorável à soltura dele e a decisão foi acatada pelo juiz da comarca. Ruberval já está em liberdade.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia