Por telefone, Arthur Chioro é demitido do cargo no Ministério da Saúde

Vaga deve ser disputada pelos deputados Marcelo Castro e Manoel Dias. Objetivo é conseguir maior apoio no Congresso

Por O Dia

Brasília - O ministro da Saúde, Arthur Chioro, foi demitido nesta terça-feira por meio de um telefonema da presidenta Dilma Rousseff. Durante uma conversa pela manhã, ela o informou apenas que precisava do cargo.

O Ministério da Saúde deve ser controlado pela bancada do PMDB na Câmara dos Deputados. A vaga está sendo disputada pelos deputados Marcelo Castro (PMDB-PI) e Manoel Dias (PMDB-PB).

Arthur Chioro é demitido do Ministério da SaúdeElza Fiúza / Agencia Brasil

Integrante do PT, Chioro ainda será chamado para conversar pessoalmente com Dilma. A decisão da presidenta foi motivada por necessidade política e não por mau desempenho de Chioro. A medida foi tomada para o governo conseguir maior apoio no Congresso Nacional.

Últimas de _legado_Brasil