Decolar.com é suspensa por suspeita de propaganda enganosa

Segundo entidade, empresa não informa preço total do serviço

Por helio.almeida

O Sindicato das Empresas de Turismo no Estado de São Paulo (Sindetur-SP) suspendeu ps direitos associativos da empresa de venda de pacotes turísticos online Decolar.com por, segundo a entidade, pratica "propaganda enganosa" ao não informar em seus anúncios o preço total das passagens que comercializa. A empresa nega.

Decolar.com não estaria informando o valor total do serviçoHélio Almeida / Agência O Dia

Segundo o sindicato, o site coloca em anúncios o preço do trecho aéreo sem incluir a taxa de serviço, que é informada no final da compra. Segundo Eduardo Nascimento, presidente do sindicato, a conduta da Decolar.com configura infração estatutária, induz o consumidor a erro e prejudica a livre concorrência das demais agências de turismo.

A suspensão ocorreu nesta sexta-feira. A entidade afirma que já havia advertido a associada há seis meses, mas não concordou com a defesa apresentada por ela. A companhia nega irregularidade e afirma que suas práticas seguem a legislação brasileira e que sua política de preços é clara para o consumidor. A Decolar.com tem agora 180 dias para se pronunciar e mudar suas práticas.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia