Mais Lidas

Medo do desemprego aumenta em dezembro, diz CNI

Índice cresceu mais entre famílias com maior poder aquisitivo

Por helio.almeida

Rio - O medo do desemprego cresceu no último mês do ano. O Índice de Medo do Desemprego (IMD) aumentou de 72,5 pontos em setembro para 73 pontos em dezembro. Foi o terceiro aumento consecutivo do índice, informa a pesquisa trimestral Termômetros da Sociedade Brasileira, que a Confederação Nacional da Indústria (CNI) divulga nesta quarta-feira, 18 de dezembro.

Conforme a pesquisa, o medo do desemprego cresceu mais entre as famílias de maior poder aquisitivo. Entre os que ganham mais de cinco salários mínimos, o índice cresceu mais de 10%. Nas famílias com renda entre cinco e dez salários mínimos, o índice passou de 70,6 pontos em setembro para 78,8 pontos em dezembro. Entre as que recebem mais de 10 salários mínimos, o índice subiu de 70,6 pontos em setembro para 81,2 pontos em dezembro.

Mesmo assim, o Índice de Satisfação com a Vida ficou estável, em 103,2 pontos. Na comparação com dezembro do ano passado, o indicador caiu 2%, informa a CNI. A pesquisa Termômetros da Sociedade Brasileira foi feita entre 5 e 9 de dezembro com 2.002 pessoas em 141 municípios.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia