Procon multa supermercados da Barra por divergências de preços

Equipe de fiscalização do Procon constatou nesta quinta-feira, problemas com preço após denúncias de consumidores

Por leonardo.rocha

Supermercados da Barra são multados por divergências em preços nas prateleiras e no caixaReprodução

Rio - Uma equipe de fiscalização do Procon Carioca, da Prefeitura do Rio, constatou nesta quinta-feira, após denúncias de consumidores, diversas irregularidades em dois supermercados na Barra da Tijuca.

No Supermarket da Avenida Embaixador Abelardo Bueno, 3.050, lojas 101/102/103, além de produtos sem preços, os fiscais verificaram divergências entre valores afixados nas prateleiras e os preços cobrados no caixa.

O Leite de Rosas 310 ml custava R$ 6,29 na gôndola, mas no leitor de código de barras, o preço marcado era de R$ 6,49. A unidade de 100 ml do mesmo produto também apresentava uma diferença de R$ 0,20. Já o Leite de Colônia 100 ml exibia dois preços: R$ 2,99 e R$ 3,19.

No supermercado Extra da Avenida das Américas, 1.510, os consumidores tinham que desembolsar até R$ 1,00 a mais na hora de pagar por alguns tipos de shampoo e condicionador das marcas Tresemmé e Dove.

Na mesma loja, a etiqueta do sabonete Dentol marcava R$ 0,99, mas o preço real era de R$ 1,29. O hidratante Johnson estava sendo vendido por R$ 0,61 a mais que o valor ofertado.

"Divulgar um preço e cobrar outro é infração grave. São inúmeros os produtos que, com preços maquiados, lesam a boa fé da dona de casa", afirmou a secretária municipal de Defesa do Consumidor, Solange Amaral.

Ainda no Extra, os fiscais inutilizaram 83 quilos de carne seca salgada e chispe de porco por falta de indicação do prazo de validade. As mercadorias exalavam mau cheiro.

O Procon Carioca irá percorrer outros estabelecimentos de vendas a varejo para conferir as condições dos produtos comercializados e também verificar se os preços estão sendo informados de acordo com as regras.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia