Gilberto Braga: De volta para a escola pública

O preço da escola particular sobe mais do que qualquer outra despesa familiar

Por bferreira

Rio - Estamos na época de renovação de matrícula nas escolas particulares e um novo fenômeno acontece no Rio de Janeiro. Pela primeira vez nos últimos anos há forte migração de alunos da rede particular para a pública, principalmente no Ensino Fundamental. De cada cinco matrículas para 2015, uma é de aluno oriundo de estabelecimentos privados.

Se é verdade que o ensino público no Rio melhorou, o fato não significa uma escolha racional da nova classe média para os seus filhos, mas uma imposição do aumento do custo de vida das famílias. As crianças estão migrando para as escolas públicas porque os pais, com o orçamento mais apertado pela inflação, não conseguem pagar os elevados preços das redes particulares.

Levantamento do sindicato do setor aponta que o aumento das mensalidades para 2015 ficará entre 8% e 15%, contra inflação oficial medida pelo IPCA de pouco mais de 6,5% ao ano. O preço da escola particular está subindo muito mais do que qualquer outra despesa familiar.

O difícil é entender que não se trata de aumento de margem de lucro dos empresários do setor, mas repasse de aumentos de custos reais. No Rio, onde as taxas de desemprego são as mais baixas do país, os salários do pessoal de apoio e dos professores, subiu muito. Além disso, há a elevação dos custos operacionais.

A verdade é que o sonho da escola particular que muitas famílias acalentavam se desfez. Não se trata de incompetência dos pais, mas do lado perverso de uma política econômica frouxa com os aumentos de preços e a inflação acima da meta.

Como já frisamos aqui, não se pode culpar a crise econômica internacional, mas nossos próprios erros internos. Vamos torcer agora para a escola pública continuar melhorando e dar conta do recado.

Professor de Finanças do Ibmec e da Fundação Dom Cabral.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia