Medidas vão evitar dívidas com cartão de segurados do INSS

Reunião amanhã vai tratar do assunto

Por bferreira

Rio - Representantes de aposentados e de bancos conveniados à Previdência vão discutir amanhã mecanismos para evitar o endividamento de segurados do INSS, após a extensão da margem consignável de 30% para 35%. O grupo se reúne para tentar fechar detalhes operacionais que não foram definidos com a publicação da MP 681, que aumentou em cinco pontos percentuais a margem de uso exclusivo de cartão de crédito com desconto em folha. Uma das propostas será a limitação de saque em dinheiro no limite do cartão de crédito.

Outro ponto diz respeito à permissão para que os 5% adicionais de limite sejam usados para abater dívidas antigas de cartão de crédito. O objetivo é deixar que o aposentado troque dívida com juros mais altos no rotativo por taxas bem mais em conta da operação com desconto em folha de pagamento.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia