Por felipe.martins

Rio - O ano está se encerrando e já é hora de traçar as metas a serem alcançadas em 2016. E para quem tiver como objetivo a conquista de uma vaga no serviço público, nada melhor doque já definir uma área e começar a direcionar os estudos nas matérias específicas. Os destaques para o começo ano, por exemplo, são os concursos da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), com 34 vagas e prova em 31 de janeiro, e da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), com 102 vagas. O exame será realizado em 21 de fevereiro. Os salários chegam a R$5.957, 52.

Tatiana quer estabilidade e tem como meta passar na prova da ANSDivulgação

Além disso, a divulgação do edital do INSS com 950 vagas, que saiu na semana passada, é mais um incentivo aos concurseiros, já que as inscrições vão começar no dia 4 de janeiro. A prova será realizada em 15 de maio de 2016. Os salários vão a 7.496,09. Especialistas lembram ainda que haverá oportunidades não só para concursos nacionais. O Tribunal de Contas do Estado do Rio (TCE), por exemplo, também abrirá vagas.

Para se planejar em 2016, especialistas recomendam se organizar e definir a área para aumentar as chances de passar. Professor do Universo do Concurso, Rodrigo Lelis diz que esse é o caminho para o sucesso na aprovação.

“Primeiro, deve-se definir se é área judiciária, policial, fiscal, bancária e pesquisar a possibilidade da abertura de concursos e se dedicar às matérias básicas da área”, avisa.  Outra dica para quem vai estudar é elaborar planilhas. “Elas são solução para que o candidato se organize melhor quanto ao conteúdo que deve ser estudado e o tempo que a precisa dedicar. O ideal é que fique em tamanho ampliado, em local bem visível, para exercer uma pressão e lembrar da necessidade de cumprimento à risca do cronograma”, orienta Rodrigo Lelis.

Lelis lembra que a virada do ano é o momento para avaliar erros e acertos relacionados aos estudos. “É importante observar se tem seguido estratégia correta de plano de estudos e pensar nas possíveis adaptações”, alerta.

Diretor do site Concurso Virtual, Rodrigo Menezes diz ainda que os concurseiros devem olhar mais à frente para os próximos anos. “Agora, o candidato precisa definir lista de objetivos, traçar metas para os próximos cinco anos. Isso é muito importante”, pontua.

Ele ainda acrescentou que “a primeira coisa que os concurseiros têm que fazer é ver se estão estudando com o material adequado. Avaliar se rendeu sem fazer um curso preparatório. O curso otimiza muito o tempo de estudo da pessoa”.

Aluna do Concurso Virtual, a publicitária Tatiana Carvalho, 35 anos, que vai concorrer a uma das vagas da ANS, seguirá a cartilha. “Já estudei outras vezes para concurso, mas parei. Agora, estou focada. Quando não estou trabalhando, estudo. E antes de dormir eu escrevo tudo que assimilei durante o dia. Quero a estabilidade do cargo público”, afirma.

“Dificuldades todos temos, mas vale a pena superá-las”, diz Claudia Jones, jornalista do site qconcursos.com

Um novo ano se aproxima e com ele vêm as expectativas de mudança! E acho legal ter esse pensamento, se é momento ‘tradicional’ para mudar, que mudemos! Um dia desses, encontrei-me com uma mulher, de seus quase 60 anos, que talvez esteja enfrentando situação semelhante a de muitas outras pessoas por aí.

Mas, percebi que ela tem um anseio enorme de mudar. E me questionou sobre estudos para concurso.
Uma das primeiras indagações dela foi se não estaria “velha” para a “façanha”. Ora, concurso é a forma mais democrática de acessibilidade ao emprego público. Aqui, não são questionadas cor, idade, sexo. Naturalmente, há um limite de idade, o que não é o caso dela.

Ela chegou a temer ser excluída de grupos de estudos ou até mesmo se sentir incapaz de aprender coisas novas. Acredito que nossa conversa tenha surtido bons efeitos. Precisamos nos dedicar de forma apaixonada ao que fazemos e almejamos. Se for o desejo dela passar em um concurso para ter uma aposentadoria digna, só posso torcer para que tenha êxito e colaborar como profissional para isso.

Sou grande entusiasta daqueles que venceram a si mesmo e, em pouco tempo, terão realizado o sonho que jamais ousou sonhar antes! Isso me leva a um questionamento: E por que não você também? Dificuldades todos nós temos. No entanto, valerá muito a pena superá-las. Então, que o ano que se inicia seja um pontapé para boas mudanças em sua vida! Bons estudos!

Você pode gostar