Professores da Gama Filho e da UniverCidade receberão salários na próxima semana

Pagamentos estão atrasados desde junho. MEC cancelou a realização das provas de vestibular das instituições

Por julia.amin

Rio - Após mais de dois meses de atraso, os salários de junho dos docentes e do pessoal administrativo da Universidade Gama Filho e da UniverCidade serão creditados na próxima segunda-feira. O Grupo Galileu, responsável por administrar as instituições pediu, desculpas pelos transtornos causados em função da alteração no cronograma de pagamentos.

A Gama Filho foi proibida pelo MEC de abrir novas vagas nos cursos de graduação e pós-graduaçãoAlexandre Brum / Agência O Dia


Devido aos atrasos, as provas do vestibular foram canceladas no início do mês de agosto por determinação do Ministério da Educação. O MEC proibiu que Gama Filho e UniverCidade abram vagas nos cursos de graduação e pós-graduação, além da admissão por transferência de novos alunos. 

O Grupo pediu ao corpo docente para suspender a paralisação e retomar as atividades acadêmicas. O segundo semestre letivo começa no próximo dia 18, com o reinício esperado das aulas. Segundo informe oficial da Galileu, a prioridade agora é equacionar a questão salarial, o que deve acontecer em setembro.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia