Incêndio em asilo causa morte de ao menos 10 idosos na China

Bombeiros demoraram cerca de uma hora para controlar o fogo. Causas ainda estão sendo investigadas

Por juliana.stefanelli

Pequim (China) - Pelo menos dez idosos morreram nesta sexta-feira em decorrência de um incêndio em um asilo na província de Heilongjiang, situada no nordeste da China, informaram as autoridades locais à imprensa oficial.

Segundo a versão online do "Jornal do Povo", o acidente ocorreu por volta da 1h15 local (14h15 de quinta em Brasília) na entrada da casa de repouso para idosos Lianhe Senior, sediada na cidade de Hailun.

Havia 32 pessoas no asilo na hora do incêndioEFE

No momento do incêndio, 32 pessoas estavam no interior do imóvel. O asilo faz parte das instituições governamentais que oferecem as chamadas "cinco garantias" (wubao, em mandarim: comida, roupa, atendimento médico, casa e serviço funerário) às crianças, órfãos e idosos nas zonas rurais da China.

Atualmente, a instituição, que abriu suas portas em 2005 e conta com 450 camas, abriga 283 idosos. Os bombeiros demoraram aproximadamente uma hora para controlar o fogo, cujas causas estão sendo investigadas pelas autoridades locais, destacou a agência oficial "Xinhua".

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia