Caçador mata três pessoas e mantém outra como refém na Áustria

Porta-voz da polícia declarou que situação é 'extremamente terrível'

Por juliana.stefanelli

Viena (Áustria) - Um suposto caçador furtivo matou nesta terça-feira três pessoas, entre elas dois agentes da polícia, em uma zona rural da Áustria, e está entrincheirado com pelo menos um refém em uma fazenda, informam nesta terça-feira os sites de notícias do país alpino.

O incidente aconteceu durante a manhã desta terça-feira perto da cidade de Annaberg, a cerca de 100 quilômetros de Viena, segundo o site do jornal "Krone.at" ao detalhar que a pessoa mantida como refém é provavelmente outro agente de polícia.

Carro da polícia sendo rebocado em uma área perto de Annaberg.Efe

Um porta-voz da polícia disse em declarações para o "Krone.at" que a situação é "extremamente terrível" e falou de vários crimes que foram cometidos nesse lugar. As autoridades austríacas declararam silêncio informativo para não pôr em perigo a vida do refém, que às 10h locais (5h de Brasília) ainda permanecia em poder do caçador.

Exército austríaco se aproxima do cena do crime perto de Melk cerca de 80 quilômetros a oeste de VienaEFE


Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia