Barco de imigrantes naufraga na costa da Itália

Há puco mais de uma semana, pelo menos 319 pessoas morreram em naufrágio de uma embarcação que também transportava imigrantes

Por julia.amin

Palermo (Itália) - Um barco de imigrantes naufragou entre a Tunísia e a Sicília nesta sexta-feira. Segundo a Marinha Italiana, 200 pessoas estavam no mar. A agência de notícias local Ansa disse que corpos haviam sido localizados. Até agora, 50 pessoas morreram.  

"Há pelo menos 200 pessoas no mar e os nossos helicópteros estão resgatando", disse um porta-voz da Marinha, acrescentando que dois navios da Marinha também estavam no local.

O incidente ocorreu pouco mais de uma semana depois de pelo menos 319 pessoas terem morrido devido ao naufrágio de um barco que transportava imigrantes eritreus e somalis perto da ilha italiana de Lampedusa.

Este foi o segundo naufrágio na Itália em pouco mais de uma semanaReuters


O desastre da semana passada foi um dos piores acidentes em uma prolongada crise de imigração, em que dezenas de milhares de pessoas chegam em pequenos barcos precários ao sul da Itália. Lampedusa, uma pequena ilha localizada no meio do caminho entre a Sicília e a Tunísia, tem sofrido o maior impacto.

De acordo com o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur), 32 mil imigrantes chegaram ao sul da Itália e à Malta só este ano, dos quais cerca de dois terços apresentaram pedidos de asilo.

Embora a maioria dos imigrantes seja da África Subsaariana, este ano muitos estão fugindo da guerra civil da Síria ou da turbulência política no Egito e em outras partes do norte da África.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia