Oposição vence a principal disputa em eleição argentina

Sergio Massa derrotou candidato de Cristina Kirchner em Buenos Aires, diz boca de urna

Por tamyres.matos

Argentina - A Argentina realizou neste domingo as eleições que vão renovar um terço da bancada do Senado e metade da Câmara de Deputados, além de antecipar o cenário político para as eleições presidenciais de 2015. De acordo com a boca de urna, Sergio Massa, ex-chefe de gabinete da presidenta Cristina Kirchner, venceu a eleição para deputado federal por Buenos Aires, derrotando Martín Insaurralde, candidato do governo.

Serão escolhidos 127 deputados e 24 senadores, que assumirão o cargo em dezembro. Cerca de 30,5 milhões de cidadãos estavam aptos a votar: mais de 590 mil pessoas de 16 e 17 anos tiveram a opção de participar, graças a uma nova lei, aprovada em outubro de 2012, que criou o voto jovem voluntário. Na Argentina, ele é obrigatório para quem tem entre 18 e 70 anos, e quem não puder comparecer às zonas eleitorais deve justificar ou pagar uma multa.

Sergio Massa%2C ex-chefe de gabinete de Cristina Kirchner e hoje da oposição%2C venceu eleição em Buenos AiresReuters

A grande ausência do pleito foi Cristina Kirchner, que se recupera de uma operação para a retirada de um hematoma no cérebro, realizada no último dia 8. Ela não pôde viajar para Río Gallegos, onde vota, nem visitar o túmulo de seu marido no cemitério da cidade — ontem foi também o aniversário de três anos da morte do presidente Néstor Kirchner.

As zonas eleitorais ficaram abertas das 8h às 18h locais (9h às 19h de Brasília). Segundo informou o Ministério da Defesa, cerca de 92 mil policiais e militares garantiram a segurança da votação de ontem. Quase 43 mil fiscais voluntários, assim como 50 mil mobilizados pelos partidos, vigiaram as eleições.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia