Mais Lidas

Holanda paga alcoólatras com cerveja para recolher lixo das ruas

Coordenadora afirma que projeto é uma forma de reintegrá-los ao convívio em sociedade

Por clarissa.sardenberg

Holanda - O governo holandês adotou uma iniciativa curiosa e um tanto polêmica. O país está pagando com cerveja um grupo de alcoólatras que recolhe lixo nas ruas de Amsterdã, capital do país. O projeto é do grupo Rainbow e parcialmente financiado pelo governo.

Alcoólatras recolhem lixo e recebem em cervejaReprodução Internet

O Rainbow é uma empresa privada que conta com verbas estatais e tem o objetivo de estimular os alcoólatras a contribuir para a sociedade e melhorar sua qualidade de vida.

A coordenadora do projeto disse que sempre enfrentou muitas dificuldades para fazer com que as pessoas abandonassem o vício completamente e que o projeto é uma forma de reintegrá-los ao convívio em sociedade. "Nós já tentamos de tudo e isso é a única coisa que funciona. Podemos não fazer deles pessoas melhores, mas agora eles têm uma vida melhor e também é bom para cidade, porque estão contribuindo para o meio onde vivem", disse Janet van de Noord.

A empresa não divulgou quanto o governo gasta com o pagamento em cerveja dos funcionários por temer uma repercussão negativa. A organização ainda presta assistência aos moradores de rua e viciados em drogas, além dos alcoólatras. Segundo Janet, a iniciativa do grupo é uma maneira eficaz de lidar com o problema do alcoolismo na sociedade holandesa.

"Se as pessoas estão sendo presas, isso também custa dinheiro à sociedade. Então esse projeto só pode ser uma coisa boa e não vejo porque outros países não poderiam fazer o mesmo", afirmou Van de Nood. Ela disse que quando pergunta aos cidadãos da cidade se aprovam a iniciativa, a maioria afirma que sim.

Rene, de 52 anos, diz que vai ao programa apenas por causa da cerveja. A coordenação do projeto diz que independente disso, ele e os outros integrantes fazem diferença na comunidade.

Desde que o programa começou, as ruas estão mais limpas e segundo a polícia, a criminalidade diminuiu no local anbrangido pelo projeto. Os dados fazem com que a Rainbown tenha esperanças de receber um financiamento maior para o futuro.

Floor van Bakkum, da clínica anti-narcóticos de Amsterdã, aponta a iniciativa como uma boa alternativa para lidar com um grupo muito problemático e associa a estrtégia para a administração de doses controladas de heroína em viciados na substância. A mulher afirma que ter um trabalho fixo pode ajudar os viciados fazerem algo novo com suas vidas.

Alcoólatras recolhem lixo nas ruas de Amsterdã em projeto do empresa Rainbow em parceria com o governoReprodução Internet


Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia