Mulher com Síndrome de Down assume lugar de político suspeito de corrupção

Ángela Bachiller, de 29 anos, ficou em 18º lugar nas eleições e poderia substituir qualquer um dos 17 vereadores de Valladolid

Por leonardo.rocha

Espanha - Espanha - Ángela Bachiller tornou-se nesta segunda-feira a primeira vereadora com síndrome de Down no mundo ao tomar posse na câmara municipal da cidade de Valladolid, na Espanha. A política, que estava em 18º na lista das últimas eleições, vai substituir Jesús García Galván, que se retirou há cerca de um mês do parlamento acusado de suborno num processo de licenciamento urbanístico.

Ángela Bachiller na cerimônia de posseReprodução Vídeo


A jovem de 29 anos foi candidata pelo Partido Popular (PP) nas últimas eleições municipais ficando em 18° lugar, podendo substituir um dos 17 vereadores caso algum contratempo acontecesse. Com a renúncia de Jesús, Ángela foi convocada para assumir o posto.

Emocionada, ela agradeceu a confiança e ressaltou a luta das pessoas com deficiência no mundo. “Obrigada por tudo, obrigada por terem me dado confiança. É para que as pessoas percebam que nós, pessoas com deficiência, podemos tudo, temos muita força de vontade”, disse, após jurar lealdade ao rei.

Segundo o jornal espanhol “El País”, Bachiller trabalhava como auxiliar administrativa no Departamento de Assistência Social de Valladolid, e por desejo de sua família, manteve-se distante dos meios de comunicação, à espera que sua nomeação fosse oficializada.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia