Fortes chuvas deixam duas pessoas mortas e uma desaparecida na Itália

Os principais danos ocorreram nas cidades de Gênova e Varese, no norte do país europeu

Por paulo.lima

Itália - Duas pessoas morreram morreram na cidade de Varese e outra está desaparecida em Gênova devido às fortes chuvas que causaram deslizamentos de terra e inundações no norte da Itália. Uma jovem de 16 anos e seu avô, de 70, morreram depois que sua casa caiu devido ao deslizamento de terras na cidade de Cerro di Laveno, província de Varese.

Além disso, um homem de 66 anos está desaparecido depois que seu carro foi arrastado pela água quando um rio na cidade de Mignanego, em Gênova, transbordou. A região de Ligura foi uma das mais afetadas pelas fortes chuvas das últimas 48 horas e na capital, Gênova, foram registradas grandes inundações devido ao transbordamento de rios da região.

Na cidade de Milão%2C também foram registrados danos devido às chuvasEfe


As viagens nos trens que ligam Gênova a outras localidades como Ventimiglia foram interrompidas devido aos desmoronamentos, embora se espere que a situação melhore durante o dia. Nos últimos 15 dias caiu em Gênova a chuva habitual durante todo um ano, segundo os dados dos meteorologistas.

Também ocorreram grandes danos na região da Lombardia e em sua capital, Milão, onde se ocorreram durante a noite inundações em várias áreas do centro devido ao transbordamento dos rios Lambro e Seveso. Várias estações do metrô de Milão permanecem fechadas por causa de inundação e ainda há problemas de tráfego, com previsão de melhora durante o dia, já que parou de chover.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia