Polícia indicia chefe de quadrilha que fraudava compra de passagens aéreas

Bando fazia uso de senhas de empresas de aviação para adquirir tíquetes internacionais e, logo após o embarque, cancelavam os bilhetes

Por tamyres.matos

Rio - Carlos Alexandre Hassum Moreira foi indiciado, nesta sexta-feira, por policias da 105ª DP (Petrópolis), pelos crimes de estelionato e formação de quadrilha. Ele é acusado de ser o chefe de uma quadrilha de fraudadores de compra de passagens aéreas e teve o mandado de prisão pedido à Justiça.

De acordo com o delegado, Alexandre Ziehe, titular da 105ª DP, Carlos Alexandre foi indiciado após a prisão de Leandro Souza de Oliveira, Glaucia Borges Cordeiro e Wagner Augusto Bretz Moreira. O bando fazia uso de senhas de empresas de aviação para adquirir passagens internacionais e, logo após o embarque, cancelavam os bilhetes.

Um dos criminosos foi capturado, na manhã desta sexta-feira, no Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro, quando retornava de uma viagem de Miami.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia