Operários se ferem após queda de marquise na Zona Norte

Homens trabalhavam em obra de bar quando foram atingidos

Por thiago.antunes

Rio - Dois homens que trabalhavam na obra de um bar na Rua Plínio de Oliveira, altura da Avenida Brás de Pina, na Penha, Zona Norte do Rio, ficaram feridos após serem atingidos por uma marquise no local, na tarde desta segunda-feira. Segundo testemunhas, os operários estavam na porta do estabelecimento quando o gesso caiu sob eles.

Os dois, que ainda não foram identificados, foram encaminhados para o Hospital Estadual Getúlio Vargas, no mesmo bairro. Ainda não há informações sobre o estado de saúde das vítimas.

Ambulante morreu em Madureira

Uma pessoa morreu e pelo menos sete ficaram feridas, na noite desta quarta-feira, após o desabamento da marquise de uma loja de roupas, na Estrada da Portela, centro comercial do bairro de Madureira, Zona Norte do Rio. Segundo testemunhas e o Corpo de Bombeiros, pouco antes das 20h, a base de sustentação da Citycol, que fica no número 23, cedeu e atingiu quem passava pela calçada. O ambulante Cristiano César Coutinho Henrique, de 25 anos, não resisitiu aos ferimentos e morreu na hora. De madrugada, um princípio de incêndio foi controlado em uma loja de roupas de crianças na mesma via.

De acordo com a assessoria de Comunicação Social do Corpo de Bombeiros, entre os feridos estão cinco mulheres e dois sargentos do quartel de Campinho, que se machucaram durante o resgate das vítimas, com a queda do restante da estrutura de concreto. Na hora do acidente, a maioria do comércio na via, que costuma atrair centenas de pessoas, estava fechando. A loja fica próxima a quadra da escola de samba Império Serrano.

Sete pessoas ficaram feridas em desabamentoSeguidor Rodrigo de Oliveira

"Fez um barulho enorme na ponta esquerda e depois, a menos de um palmo de mim, um cara que vinha na minha direção foi atingido. Depois que os bombeiros já realizavam o resgate, ainda caiu o resto", disse Valdinei do Nascimento, 20. De acordo com o funcionário de um bar vizinho ao local, a cena foi desespero. "Tentei ajudar quem estava perto de mim, mas mesmo assim o peso era muito grande. Só vi que um cara ficou agarrado e um outro perdeu o braço", completou Valdinei.

Ainda segundo os bombeiros, Rosangela A. C. Teixeira, de 37 anos, e Jaciara A. de Barros, 58, foram levadas para o Hospital Municipal Salgado Filho, no Méier. Cristiane L. Fernandes, 41, Mislene M. Barbosa, 27, e Natalina M. G. Silva, 47, foram socorridas no Hospital Estadual Albert Schweitzer, em Realengo. Ainda não há informações sobre o estado de saúde delas.

Os militares feridos sem gravidade foram socorridos no hospital da corporação, no Rio Comprido, também na Zona Norte. Um deles, porém, teria fraturado uma das pernas. Homens dos quartéis de Benfica, Realengo e do Grupamento de Busca e Salvamento da Barra da Tijuca participaram do socorro. Ambulâncias das unidades do Méier e de Irajá, além de Campinho, socorreram as vítimas.

De acordo com primeiras informações%2C marquise seria da loga CyticolLeitor%3A Luiz Souza

Em nota, a empresa se disse consternada com a queda da marquise da filial Madureira, que resultou na morte e nos feridos. A Citycol informou ainda que os esforços estão voltados para prestar auxílio às vítimas e seus familiares, e que ajudará as autoridades na investigação do acidente.

A Polícia Civil periciou o local e abriu um inquério para apurar a causa do acidente. A Secretaria de Conservação e Serviços Públicos, por meio da Defesa Civil, informou que a loja foi interditada. No local, estavam sendo realizadas obras na parte interna. Algumas pessoas foram ouvidas na 29ª DP (Madureira), onde o caso foi registrado.

Durante a madrugada bombeiros do quartel de Campinho retornaram a Estrada do Portela. Eles conseguiram controlar um princípio de incêndio na loja Surpresa Baby, no número 142, entre as ruas Cerqueira Cézar e Dagmar da Fonseca, a 300 metros do local do desabamento. Não houve feridos.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia