Ladrões de São Paulo passam a roubar bancos no Rio

Segundo comandante, haveria migração

Por thiago.antunes

Rio - Acuados pelo reforço policial no entorno de agências bancárias paulistas — onde o número de assaltos a agências subiu 10% em agosto —, bandidos de São Paulo estariam migrando para o Rio. Segundo o Instituto de Segurança Pública (ISP), de janeiro a agosto deste ano ocorreram 33 arrombamentos de caixas eletrônicos no estado do Rio, quase o dobro que o mesmo período em 2012 no Rio: 18 casos.

Nesta segunda-feira, policiais do 40º BPM (Campo Grande) prenderam, no final da madrugada, o paulista Richard Honório da Silva, 32, depois que ele arrombou com um maçarico portátil dois caixas eletrônicos do Santander, na Av.Cesário de Melo. Dois comparsas fugiram, com mais de R$ 10 mil. O comandante do 40º BPM, tenente-coronel Ronaldo Martins, disse que Richard contou que os três, com o apoio de um ladrão carioca, saiu de São Paulo para assaltar no Rio.

“PMs perseguiram o bando num Gol na saída da agência. O pneu do Gol furou, dois bandidos fugiram e Richard foi preso no quintal de uma casa. O que está acontecendo é que, com o cerco da polícia paulista, bandidos resolveram agir no Rio”, afirmou Martins, ressaltando que o trio só não conseguiu levar mais dinheiro, porque parte das notas acabou incendiada pelo maçarico.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia