Por thiago.antunes

Rio - Como parte das comemorações do Dia da Justiça, o Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro vai realizar, no próximo domingo, a cerimônia de conversão de união estável em casamento de 132 casais homoafetivos. Essa será a primeira cerimônia coletiva de casamento civil homoafetivo realizada no estado.

O evento será uma ação conjunta entre o TJRJ, através do Departamento de Promoção de Sustentabilidade; a Defensoria Pública Geral do Estado do Rio de Janeiro, através do Núcleo de Defesa da Diversidade Sexual e Direitos Homoafetivos (Nudiversis/DPGERJ); a Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado do Rio de Janeiro (Arpen) e o Programa Estadual Rio Sem Homofobia, da Secretaria Estadual de Assistência Social e Direitos Humanos.

O casamento comunitário é coordenado pela desembargadora do TJRJ Cristina Tereza Gaulia e será celebrado pela juíza Raquel Chrispino, tendo como concelebrante a juíza Raquel de Oliveira. A cerimônia será realizada às 15 horas, no auditório Antônio Carlos Amorim, na Av. Erasmo Braga, nº 115, 4º andar, no Centro.

Você pode gostar