Mais Lidas

Universitários preparam atos contra a crise na Gama Filho

Só houve 3 semanas de aula no semestre. Alunos querem ir até a Linha Amarela

Por thiago.antunes

Rio - Nesta quarta-feira será realizada mais uma manifestação de alunos e professores da Universidade Gama Filho, que estão em greve e sem receber há três meses. O grupo se concentrará na faculdade às 17 h, e depois pretende fazer uma passeata até a Linha Amarela. Entre as reivindicações estão mais investimentos na infraestrutura da universidade. Segundo o presidente do Centro Acadêmico de Engenharia da universidade, Cristiano Wallas, os estudantes só tiveram aula em três semanas deste semestre. Tem faltado de papel higiênico a material de estudo.

De acordo com Wallas, que está no 9º período, a universidade começou a ser sucateada desde que o grupo Galileo Administração de Recursos Educacionais assumiu a instituição. “A culpa não é da faculdade, e sim deste grupo que não investe na faculdade. E a gente nem sabe quem é”, afirma o estudante. O professor de engenharia Marcelo Duarte diz que toda semana o grupo Galileo dá um novo prazo para o pagar os salários atrasados, mas nunca o cumpre. “Outros funcionários da universidade também estão sem receber. Estou aqui hoje (ontem) sozinho, as luzes estão apagadas. Venho em solidariedade aos alunos que precisam ser orientados para a tese final”, disse.

Na segunda-feira%2C estudantes da Universidade Gama Filho fizeram uma manifestação na Rua Clarimundo de Melo%2C no EncantadoDivulgação

Segundo a assessoria de imprensa da Gama Filho, os salários atrasados serão pagos até o final desta semana, o que seria considerado uma prioridade da instituição. Depois, será negociado com o o Ministério da Educação (MEC) um processo de reestruturação da faculdade.

Na sexta-feira, o MEC suspendeu o vestibular da faculdade e a abertura de novos cursos, “diante das irregularidades na gestão administrativa e acadêmica.” O ministério deu 15 dias para que a Galileo apresente informações sobre a quantidade de alunos matriculados por semestre nos cursos de graduação e pós-graduação.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia