Moradores fazem protesto após homem ser baleado por PMs na Zona Sul

Grupo afirma que ferido reside na comunidade Pavão-Pavãozinho e não tem envolvimento com atividades criminosas

Por tamyres.matos

Rio - Um homem conhecido como Cachorrão foi baleado durante um suposto confronto com policiais da Unidade de Polícia Pacificadora do Morro Pavão-Pavãozinho, em Copacabana, na Zona Sul do Rio, na noite desta sexta-feira. Com ele, os PMs afirmam ter apreendido uma pistola calibre 9 mm. Ele foi levado para o Hospital Miguel Couto, na Gávea.

Após o incidente, 30 moradores realizaram uma manifestação na Rua Teixeira de Melo. Eles começaram a revirar latas de lixo e tentaram fechar a via, mas foram impedidos por policiais. O protesto durou cerca de 40 minutos e não chegou a haver confronto ou atos de vandalismo. O grupo afirma que o homem baleado seria apenas morador da comunidade.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia