Por adriano.araujo

A emissão de gases poluentes na quarta-feira pela Refinaria Duque de Caxias (Reduc), da Petrobras, que gerou extensa fumaça sobre o céu da região, ainda causava mal estar entre a população de Campos Elísios, localidade do município da Baixada. Nesta quinta-feira, moradores se queixavam de problemas respiratórios e ardência nos olhos — o que, segundo eles, ocorre com frequência.

Hoje uma densa fumaça preta voltou a chamar atenção. “Essa fumaça já é mais comum, e costumamos vê-la, o que também é absurdo. A de quarta, veio de outro ponto e cobriu a região”, disse o aposentado Felisberto Caetano, de 64 anos.

Nesta quinta-feira%2C fumaça preta voltava a cobrir parte da região. A moradora Fátima procurou posto de saúde reclamando de problemas respiratóriosAlexandre Vieira / Agência O Dia

De acordo com a Reduc, a emissão de gases de quarta-feira foi provocada por uma pane elétrica: a produção foi cortada e houve queima de petróleo e gás.

Após o incidente, o Instituto Estadual do Ambiente (Inea) afirmou que vai autuar a Reduc pela emissão de poluentes, em especial do gás monóxido de carbono.“Não é a primeira vez que isso acontece. Eu tive que vir ao posto de saúde hoje(ontem), porque ainda estou com dificuldades respiratórias e passando muito mal”, reclamou a aposentada Fátima de Lima, 75, que mora próximo à refinari: “Quando algo acontece,somos os mais prejudicados. Não temos proteção”.

“Senti cheiro forte de gás e muita ardência nos olhos, apesar de esse mal estar já ser comum entre os moradores”, contou a doméstica Maria Aparecida Silva, 45.

Uma reunião entre representantes da refinaria e moradores de Campos Elísios foi marcada para 8 de maio.

Você pode gostar