UPP prende dois e apreende três menores com drogas na Cidade de Deus

Todos tinham anotações criminais por tráfico de drogas

Por marcello.victor

Rio - Policiais da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da Cidade de Deus prenderam dois homens e apreenderam três menores em flagrante acusados de tráfico de drogas, na localidade conhecida como Rocinha 2, na Cidade de Deus, em Jacarepaguá, Zona Oeste do Rio, no fim da noite desta terça-feira. Um deles, segundo os PMs, tem 16 anos e disse ser dançarino de um programa de TV. Todos tinham passagem pela polícia por tráfico de drogas. Grande quantidade de drogas foi apreendida.

Leonardo da Silva e Anderson Moreno de Oliveira foram presos por policiais da UPP da Cidade de Deus. Eles estavam com outros três menores que foram apreendidosOsvaldo Praddo / Agência O Dia

Segundo policiais que participaram da prisão, eles patrulhavam a localidade em duas viaturas quando o grupo de cinco jovens fugiu ao avistar os veículos. Os PMs contaram que tiros foram disparados. Eles, porém, perseguiram os suspeitos que fugiram pulando casas e telhados. Todos foram encontrados na Rua Vila Nova Cruzada, quadra 11, casa 8. No local, ainda segundo a polícia, foram encontrados 1.295 sacolés de cocaína, 359 trouxinhas de maconha e 176 pedras de crack, além de R$ 167 em espécie.

Na 32ª DP (Taquara), central de flagrantes da região, os presos foram identificados como Anderson Moreno de Oliveira, 21, e Leonardo Monteiro da Silva, 28. O primeiro tinha 15 anotações criminais por tráfico de drogas, de quando ainda era menor de idade. Além de passagens pela polícia pelo mesmo crime, Leonardo tinha quatro passagens por roubo e um mandado de prisão em aberto.

Um menor de 16 anos disse aos PMs quando foi preso e na delegacia que é dançarino de um programa de TV. Até o fim da madrugada, a polícia, parentes, nem ninguém da produção do suposto programa tinha comparecido na delegacia para confirmar a informação. Outros dois menores de 17 anos também foram apreendidos na mesma ação.

O delegado adjunto, Leonardo Salgado, elogiou a ação da UPP e o combate intenso que tem sido feito ao tráfico de drogas na Cidade de Deus. Ele disse ainda que a participação de menores no tráfico de drogas da Cidade de Deus não é novidade.

"Há muita apreensão de menores nessa comunidade. Eles voltam a essa atividade criminosa porque a lei permite que fiquem presos por muito pouco tempo", analisou Leonardo Salgado.

Os adultos foram autuados por tráfico de drogas e associação para o tráfico. a pena pode chagar a até 25 anos de prisão. Os menores foram autuados por crime análogo.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia