Eduardo Paes diz que não irá cometer suicídio caso Argentina ganhe Copa

Prefeito disse, em junho de 2013, ao jornal inglês The Guardian que se mataria caso o país vizinho ganhasse a Copa

Por felipe.martins , felipe.martins

Rio - O prefeito Eduardo Paes disse, nesta sexta-feira, que não irá se suicidar em caso de vitória da Argentina na final da Copa do Mundo. Em entrevista ao jornal inglês The Guardian, em junho do ano passado, o prefeito afirmou, em tom jocoso, que se mataria caso  os 'hermanos' ganhassem o Mundial. A promessa de Paes consistia em vitória do país vizinho contra o Brasil.

Paes garantiu, nesta sexta-feira, que não irá se matar em caso de vitória da ArgentinaDivulgação

"Eu disse que se o Brasil perdesse a final para a Argentina eu me mataria. Agora estão dizendo que eu prometi isso caso a Argentina fosse campeã, o que não é verdade. Apesar da torcida, não vou me atirar da janela",  brincou o prefeito durante o evento para investidores 'Rio Conferences Global Summit', que acontece no Centro da cidade.

Nas redes sociais, a piada ganhou ainda mais força. Internautas 'cobram'  o cumprimento da promessa pelo prefeito. A página no Facebook 'Torcida carioca pela Argentina' tem mais de 17 mil adeptos. O criador do evento na rede sugere até o envio de uma 'mala branca' com propina para que os argentinos não percam o jogo. 

Página com 'torcida' para a vitória da Argentina e suicídio de Paes tem mais de 17 mil adeptos no FacebookReprodução Internet


"Convidamos a todos a entrar nessa torcida, visto que o prefeito Eduardo Paes garantiu que se a Argentina ganhar a final da Copa do Mundo em cima do Brasil no Maracanã ele vai se matar.Quem puder, faremos também uma vaquinha para fornecer mala branca para os hermanos", diz o texto no Facebook que ainda termina com uma paródia da música que virou hino da conquista brasileira no mundial de 70.

"Vamos juntos, vamos...
Pra frente Argentina, Argentina...
Salve a Seleção!!!"




Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia