Homem suspeito de estelionato é preso em Campo Grande

Marcelo Pinto de Mello, de 47 anos, é acusado de aplicar golpes no mercado imobiliário

Por paulo.gomes

Rio - Acusado de aplicar golpes no mercado imobiliário, Marcelo Pinto de Mello, 47, foi capturado na manhã desta sexta-feira, em Campo Grande, por policiais do Setor de Inteligência da 35ªDP (Campo Grande). Ele tinha quatro mandados de prisão pendentes por estelionato. Segundo a polícia, uma de suas vítimas contou em depoimento que entregou a Marcelo a quantia de R$ 52.600, dividida em parcelas, com o objetivo de regularizar a aquisição do seu imóvel.

De acordo com a vítima, outros vizinhos também foram prejudicados por Marcelo, inclusive sua cunhada, que também registrou a ocorrência na 35ªDP. De acordo com o delegado Hilton Alonso, o autor possui 23 anotações criminais, sendo 15 de estelionatos cometidos em todo o Estado do Rio. As pessoas que sofreram prejuízos com as práticas do acusado estão espalhadas por Iguaba Grande, Nilópolis, Nova Iguaçu, Madureira, Pavuna, Campo Grande, entre outras regiões.

"Pedimos às pessoas que tenham sido vítimas desse estelionatário que procurem a delegacia para fazer seus registros de ocorrência", disse Alonso.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia