Mais Lidas

PM prende dupla e casal com drogas na Avenida Brasil

Entorpecentes foram comprados em comunidades da Zona Norte e seriam revendidos em Petrópolis e Barra do Piraí

Por marcello.victor

Rio - Policiais do Batalhão de Policiamento em Vias Especiais (BPVE) prenderam dois homens e um casal com drogas, na noite desta terça-feira, na Avenida Brasil, em bairros da Zona Norte. Nos dois casos, os detidos confessaram que estavam levando drogas do Rio para revender no interior do Estado.

Por volta das 19h45, dois homens e uma mulher foram presos com drogas e uma menor de 15 anos foi apreendida, na pista lateral, sentido Centro, na altura da Cidade Alta. Todos eram moradores de Petrópolis, na Região Serrana. O grupo estava no Fiesta placa LUZ-6803, quando foi abordado pelos PMs. Na revista, os militares encontraram no porta-malas, dentro de um capacete, 134 pinos de cocaína, seis trouxinhas de maconha e dois frascos de cheirinho da loló.

Na delegacia, Marco Antonio Vieira Figueira, de 46 anos, e Leonardo Teixeira Garcia, 20, contaram que uma mulher de 46 anos e a menor que estavam com eles não sabiam da existência da droga no carro. Eles ficaram presos e elas foram liberadas. Segundo os PMs, eles também confessaram que iriam revender os entorpecentes em Petrópolis, onde moram.

Menos de uma hora depois, Carmen Francisco do Espírito Santo, 40, e André Luiz Alvarenga Martins, 32, foram presos em um ponto de ônibus na pista sentido Zona Oeste, em frente ao Conjunto Amarelinho, em Irajá. Os policiais do BPVE encontraram com o casal 40 papelotes de cocaína. O casal alegou, ainda segundo os PMs, que comprara a droga na comunidade e a revenderia em Barra do Piraí, no Sul Fluminense. Eles já tinham sido presos por lesão corporal e injúria.

Em ambas as ocorrências, os presos foram autuados por tráfico de drogas na 22ª DP (Penha), central de flagrantes da região.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia