Sininho prestará depoimento no Fórum do Rio

Ativista estava foragida desde dezembro do ano passado e em junho foi beneficiada por um habeas corpus

Por paulo.gomes

Rio - As ativistas Elisa Quadros Pinto Sanzi, a Sininho, e Karlayne Moraes da Silva Pinheiro, conhecida como Moa, serão ouvidas nesta quarta-feira, na 27ª Vara Criminal da Capital. Elas são consideradas responsáveis por organizar atos violentos durante os protestos na cidade em 2013. A dupla estava foragida desde dezembro do ano passado, quando tive a prisão preventiva decretada. Ela foram beneficiadas por um habeas corpus concedido em junho, pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ). A audiência acontecerá às 14h30.

Ativista Elisa Quadros%2C conhecida como Sininho%2C prestará depoimento nesta quarta-feira, na 27ª Vara Criminal da CapitalSeverino Silva / Agência O Dia

Além de Sininho e Moa, Igor Mendes da Silva, que estava preso, também foi beneficiado pelo habeas corpus. Todos os demais réus (21) já foram interrogados e o processo se encontra na fase de alegações finais. Eles respondem pelo crime de formação de quadrilha armada. Nas alegações finais, o Ministério Público também denunciou os réus pelo crime de corrupção de menores.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia