Por gabriela.mattos
Publicado 27/12/2015 18:12 | Atualizado 28/12/2015 02:56

Rio - O carro de uma moradora de Realengo foi incendiado na madrugada deste domingo. Um vídeo de câmera instalada no local mostra o momento em que um homem vai até o carro ( um gol de 1999) e ateia fogo. A vítima, a massoterapeuta Andreia Fernandes de Azevedo, de 41 anos, suspeita que um vizinho com quem ela e outros moradores se desentenderam tenha sido o autor do ataque. O caso foi registrado na 33ª DP (Realengo).

Carro é incendiado em RealengoDivulgação

O ataque ocorreu por volta das 5h, quando a dona do Gol estava dormindo. Andreia conta que o seu vizinho já chegou a atirar no seu carro à luz do dia em agosto. Ela também registrou o caso na 33ª DP na época, mas até o momento nada foi feito. Segundo a massoterapeuta, a briga entre os dois começou quando ela e outros vizinhos passaram a questionar supostos maus tratos a um idoso, que era parente do homem.

"Esse senhor morava por aqui. Ele faleceu há 15 dias e era tio da mulher desse vizinho. O idoso foi definhando. Eles não tratavam ele bem e nós brigavamos com o casal por isso. Depois, o vizinho encrencou com carro estacionado na frente da casa dele. Além disso, ele atirou no meu carro à luz do dia. Suspeito que tenha sido ele", contou Andreia, que não conseguiu reconhecer o vizinho nas imagens. "É um ato covarde e quem tem essa ideia pode mandar alguém fazer".

Você pode gostar