Vacinação contra a gripe será iniciada após elaboração do cronograma
Vacinação contra a gripe será iniciada após elaboração do cronogramaDivulgação
Por O Dia
A Secretaria de Saúde de Nova Friburgo recebeu na última terça-feira (13/04) a remessa do Ministério da Saúde com 7.100 doses da vacina contra a gripe para iniciar a campanha de imunização deste ano. A Campanha Nacional de Imunização contra Influenza foi lançada na segunda-feira (12/04), mas o município ainda está elaborando o cronograma de vacinação, que será divulgado após a organização de equipes e locais para imunização.

Mesmo apenas com as doses iniciais para a cobertura do público-alvo, que no primeiro momento serão os profissionais de saúde, a Secretaria de Saúde iniciou o planejamento para aplicação do imunizante na cidade. A execução da campanha, neste cenário de agravamento da pandemia de covid-19, vai exigir um preparo mais rigoroso na logística de vacinação.

Segundo a Secretaria de Saúde, a organização das equipes será um desafio, já que o município aplica, simultaneamente, primeira e segunda dose contra a Covid-19, além do atendimento em domicílio dos acamados. O início da imunização contra gripe não deve interromper esse trabalho.

O intervalo entre as vacinas de Covid-19 e da gripe também deverá ser observado na hora da aplicação. Ambas as imunizações devem ser feitas de forma a evitar aglomerações. A imunização deverá acontecer de forma escalonada, inclusive com a realização de um dia D de mobilização.
Enquanto define essas questões, a Subsecretaria de Vigilância em Saúde, através da Coordenadoria de Imunização, solicitará aos hospitais da cidade que enviem a relação dos profissionais de saúde que deverão ser imunizados nas próprias unidades onde eles atuam. Isso porque, seguindo determinação do Ministério da Saúde e Governo do Estado, as primeiras doses de vacina contra a gripe serão destinadas a este grupo. Os próximos grupos terão um cronograma divulgado assim que o planejamento esteja concluído.

A Campanha Nacional de Imunização contra Gripe estabeleceu o seguinte público-alvo: crianças de 6 meses a menores de 6 anos de idade (5 anos, 11 meses e 29 dias), gestantes, puérperas, povos indígenas, trabalhadores da saúde, idosos com 60 anos ou mais, professores das escolas públicas e privadas, pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, pessoas com deficiência permanente, forças de segurança e salvamento, Forças Armadas, caminhoneiros, trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros urbano e de longo curso, trabalhadores portuários, funcionários do sistema prisional, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas e população privada de liberdade.


Você pode gostar
Comentários