Por

Roberto Tavares já ocupou outros cargos de chefia. Nos bastidores, ele sempre contou com orgulho sobre a boa relação com o ex-deputado Paulo Melo, a quem diz ser grato pela ascensão profissional no Detran. Na gestão de Luiz Fernando Pezão, foi diretor de Aprendizagem do departamento de trânsito. À época, ele era subordinado a Fernando Vignoli, então diretor-geral de Habilitação. Roberto também trabalhou com Carla Adriana Pereira, ex-diretora de Registro de Veículos, que chegou a ser presa na Lava Jato.

Você pode gostar
Comentários