Motoristas de ônibus 'travam' trânsito na Presidente Vargas

CET-Rio e Guarda Municipal, que deveriam fiscalizar e operar trânsito da região, não responderam até o fechamento desta reportagem

Por bianca.lobianco

Trânsito na Presidente Vargas ficou complicado durante a manhã desta terça-feiraCarlos Eduardo Cardoso / Agência O Dia

Rio - A cena é diária. Dezenas de ônibus fecham o cruzamento da Avenida Presidente Vargas, na altura da Praça da República, para acessar o Terminal Rodoviário Procópio Ferreira, na região da Central do Brasil, no Centro do Rio. Tamanha imprudência causa um nó no trânsito em um horário complicado para muitos cariocas, o início da manhã.

Enquanto as pessoas ficam presas no congestionamento que se forma nos dois sentidos da Avenida Presidente Vargas, com reflexos, inclusive, na Avenida Francisco Bicalho, entre outras, falta fiscalização em um dos pontos mais importantes da cidade. No entanto, embora tenham sido procuradas, a CET-Rio e a Guarda Municipal não se pronunciaram até o fechamento desta reportagem para explicar a ausência de fiscalização e a operação de tráfego realizada na região.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia