Acidente entre ônibus e van deixa 20 feridos na Avenida Brasil, em Bangu

Van atingiu traseira de ônibus na pista sentido Centro. Vítimas foram atendidas por bombeiros de dois quartéis

Por adriano.araujo , adriano.araujo

Rio - Uma colisão entre um ônibus e uma van deixou 20 pessoas feridas na Avenida Brasil, na altura de Catiri, em Bangu, na Zona Oeste, na manhã desta segunda-feira. Bombeiros dos quartel de Realengo e Campo Grande prestaram socorro as vítimas na via.

Não se sabe a gravidade dos feridos no acidente, que foram levados para os hospitais estaduais Albert Schweitzer, em Realengo, e Rocha Faria, em Campo Grande. Entre as vítimas há uma criança de apenas um ano de idade. Um homem recusou remoção para uma unidade de saúde.

A pista lateral sentido Centro ficou parcialmente interditada para o atendimento das vítimas, causando retenção no trânsito. Policiais do batalhão da região também auxiliaram na ocorrência. Serragem foi aplicada na via por conta do óleo derramado pela van.

A bancária Julyana Madeira estava dentro do ônibus da linha 564T, que faz o trajeto Duque de Caxias-Campo Grande, via Parada de Lucas. Ela disse estar distraída no momento do acidente, mas, segundo relatos de outros passageiros, o motorista da van teria atingido em cheio o coletivo após desviar de um veículo de passeio. Ele estaria em alta velocidade.

Segundo Julyana, o ônibus estava parado para o desembarque de alguns passageiros e ninguém dentro do veículo ficou ferido. Entretanto, na van, que estava lotava, muitos ficaram feridos. "Tinha muita gente ferida sendo atendida no chão, inclusive do outro lado da rua", disse. 


Van fica destruída após colidir com ônibus na Avenida Brasil%2C em BanguLeitora Julyana Madeira / WhatsApp O DIA


Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia