Obras no VLT passam por nova etapa

Instalação do trecho que vai ligar a Praça 15 à Central começa no bairro do Santo Cristo

Por nicolas.satriano

Rio - O segundo trecho por onde circulará o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT), entre a Central do Brasil e a Praça 15, começou a sair do papel. Operários já fazem a remoção do asfalto na Rua Senador Pompeu, no Santo Cristo, para implantação do sistema, que deve entrar em operação no ano que vem. Enquanto isso, o primeiro trecho, ligando a Rodoviária ao Aeroporto Santos Dumont, recebeu os primeiros trilhos energizados pelo solo.

O modelo fará com que o Rio de Janeiro seja umas das primeiras cidades do mundo a ter um VLT em operação sem uso dos cabos aéreos para captação da energia elétrica, comuns ao transporte ferroviário. Um mecanismo de segurança impedirá que o trilho condutor de energia permaneça energizado fora da área em que o veículo estiver passando, eliminando o risco de choque elétrico.

No primeiro trecho%2C que ligará a Rodoviária ao Santos Dumont%2C começa a instalação do sistema elétricoAndré Mourão / Agência O Dia

O primeiro trem do VLT desembarca no Rio de Janeiro até o fim do mês. O veículo deixou o Porto de Antuérpia, na Bélgica, na última sexta-feira, a bordo de um navio. Quando chegar ao Brasil, o trem ainda passará por mais 30 rotinas de testes antes de entrar em operação. Além desta composição, mais quatro estão em fabricação na França. Outros 28 idênticos serão fabricados no interior de São Paulo.

O VLT ligará o Centro e Região Portuária em 28 Km e 32 paradas. Com funcionamento 24 horas por dia, sete dias por semana, o sistema terá capacidade de transportar 300 mil passageiros por dia. Segundo a prefeitura, o tempo máximo de espera entre as composições será de 3 a 15 minutos.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia