Carnes exóticas e cervejas artesanais

Rã, javali e ovelha são especialidades da casa inaugurada no final de 2014 em Nova Iguaçu

Por marcelle.bappersi

Donos da Confraria das Carnes acreditam na expansão da atividadeAlexandre Vieira / Agência O Dia

Dois jovens irmãos e um novo empreendimento: a Confraria das Carnes (Av. Abílio Augusto Távora, 1.746, Bairro da Luz, Nova Iguaçu) surgiu no final do ano para trazer uma proposta à Baixada, que une carnes exóticas e cervejas artesanais em um mesmo lugar. Os irmãos Pedro Eloy, de 21 anos, e Richard Sant’Anna, 24, fazem tudo — admnistram, vendem, preparam e servem os petiscos. Para falar com propriedade sobre as cervejas, leem muito sobre o assunto e, claro, provam todas.

“Muitas pessoas ainda não conheciam as cervejas artesanais que trouxemos. A confraria é uma aposta nossa de que o comércio de Nova Iguaçu vai expandir para esse ramo, e também para a região em que nos encontramos, já que aqui não é o Centro”, disse Richard Sant’Anna. As cervejas variam de R$ 8, como é o caso da espanhola Estrella Galícia, a R$ 195, como a belga Deus.

As carnes também não são das mais comuns: tem rã, javali, paca e ovelha. A mais barata, uma picanha suína de raça americana, sai por R$ 42,90 o quilo. O bife americano bovino sai por R$ 46,90.
Para tornar mais agradável a relação com o cliente, os rapazes também oferecem brindes, como descontos em compras e chaveiros.

“O país não está favorável, mas Nova Iguaçu tem grande chance de ser promissora nesse meio. Não é algo tão comum por aqui. Tem gente que vem de outros municípios da Baixada para comprar nossos produtos”, comentou Richard. “Tem sido uma experiência surpreendente”, finalizou Pedro.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia