Projeto 'Circuito da Música' será ampliado

Prefeitura de Cabo Frio levará o evento semanal para outros bairros da cidade, valorizando músicos profissionais e técnicos

Por nara.boechat

Rio - Além dos canteiros de obras que se multiplicam pelos bairros de Cabo Frio preparando a cidade para o verão, o Projeto “Circuito da Música” também vai chegar a outros pontos do município. A simples ideia de promover eventos uma vez por semana valorizando músicos, cantores e instrumentistas da cidade agradou o público que a cada edição do Circuito da Música comparece em maior número.

O objetivo, de acordo com Edson Leonardes, secretário de eventos de Cabo Frio é valorizar talentos locais e fomentar o comércio dos bairros na chamada baixa temporada. O esquema é simples; um palco médio com cerca de 6mx6m com equipamentos de som e luz de alto nível técnico colocado num ponto estratégico para movimentar bares, restaurantes e até lojas. A prefeitura coloca 500 cadeiras e duas tendas de 10x10 para dar conforto ao público.

A dupla Alan & Alex que embalou a Praia do Forte e aprovaram a iniciativa da administração municipalDivulgação

"O Circuito da Música já deu certo. Em cinco edições visitamos cinco locais diferentes e respeitando a singularidade de cada comunidade. Isso movimenta inclusive lojas que ficam abertas até o final dos shows. Agora, comerciantes e moradores de outros bairros também querem o projeto. Vamos ampliar e chegar lá", adiantou Leonardes que teve a certeza do sucesso do evento por que até o prefeito Alair Corrêa apareceu por lá no sábado passado comandando animada mesa com familiares e amigos. "Temos muitos talentos na cultura de Cabo Frio e vamos incentivá-los”, garantiu o prefeito Alair Corrêa.

Diversos rítimos invadem os bairros de Cabo Frio

O segredo do sucesso do Circuito da Música é respeitar a vocação de cada bairro. Por exemplo, na bucólica praça da Passagem, berço da civilização brasileira,o bairro tem mais de 500 anos, o ritmo é jazz, blues e bossa nova. No agitado Boulevard Canal o repertório é voltado para os anos 80 e 90 com sucessos nacionais e internacionais. Na edição da Praia do Forte onde o público jovem é maioria, o ritmo é o pop-rock nacional.

O projeto vai chegar também aos bairros São Cristóvão, Jardim Esperança, bairro das Palmeiras e Tamoios.

"Os músicos e técnicos agradecem pois todos tem trabalho na cidade com agenda bem elaborada”, disse o baixista João Uchoa, que lidera a banda Pulse.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia