Rio Bonito democratiza prática esportiva

Projeto ‘Vida Útil’ atrai cada vez mais a população riobonitense com implantação de novos núcleos e equipe multidisciplinar que apoiam atividades físicas e recreativas

Por nara.boechat

Rio - Viver mais tempo e com muita saúde. É esse o principal objetivo de centenas de moradores de Rio Bonito queparticipam do Projeto ‘Vida Útil’, criado em parceria entre as secretarias de Saúde e de Esporte e Lazer de Rio Bonito.

O projeto conta com uma equipe multidisciplinar formada por um fisioterapeuta, um nutricionista e uma enfermeira, que orientam os alunos- em sua maioria já na terceira idade, nas atividades físicas e recreações que acontecem nas aulas.

Orientação de profissionais fisioterapeuta%2C nutricionistas e até enfermeiros auxiliam na execução das atividades esportivas pela cidadeDivulgação

O objetivo do projeto é democratizar o acesso a prática de atividade física com abordagem funcional e recreativa em todo o município, visando a melhoria da qualidade de vida, o bem estar físico e contribuindo para o desenvolvimento da cidadania e transformação social.

A iniciativa deu tão certo que já foi implantada em outros bairros, como Boqueirão, Serra do Sambê, Rio do Ouro, Praça Cruzeiro, Nova Cidade, Parque Andréa, Parque Indiano, Boa Esperança, Jacuba, Basílio, Sambê e Lavras. Em média, cerca de 45 moradores participam das atividades em cada núcleo.

Para participar das atividades do Projeto Vida Útil, basta o morador de Rio Bonito se dirigir a uma das unidades da Estratégia de Saúde da Família (ESF) do bairro e se inscrever gratuitamente. No mesmo local também é feita a avaliação médica e nutricional que são obrigatórias para participar das atividades.

“O objetivo é que além do Projeto Vida Útil, os moradores tenham acesso a outros serviços que são oferecidos pela prefeitura de Rio Bonito, como exames, remédios e outros projeto como de hipertensão, tabagismo, entre outros”, que também visam a melhoria da qualidade de vida da população”, afirma Anderson Luiz, um dos coordenadores do Vida Útil.

A prática de atividade física regular e alimentação balanceada, são algumas das recomendações médicas para evitar doenças. O morador da Praça Cruzeiro, Antônio Luiz, 62 anos, vem seguindo estes conselhos há cerca de um mês. “Eu tinha um histórico de pressão e colesterol altos e vida sedentária. Agora, com as atividades físicas, virei outra pessoa”.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia