Unidade móvel leva serviços de saúde para Araruama

Será oferecido aferição de pressão, preventivo, eletrocardiograma e consultas até os bairros

Por helio.almeida

Rio - Os moradores de Araruama estão recebendo, neste mês de setembro, o projeto Saúde na Porta. A unidade médica móvel foi destaque, inclusive, no desfile cívico da independência. A partir da constatação de uma demanda reprimida para marcar exames laboratoriais e consultas, o governo municipal criou o projeto a fim de atender a população diretamente nos bairros.

Através de um caminhão equipado com três consultórios – cardiológico, neurológico e ginecológico – a prefeitura quer facilitar o acesso dos pacientes aos serviços sem a necessidade de deslocamento até o PAM.

No veículo, será possível realizar medição de pressão arterial, teste de glicose, eletrocardiograma e preventivo, além das consultas médicas com os especialistas. O caminhão possui ainda padrão de acessibilidade, permitindo o atendimento a cadeirantes.

“A saúde é uma prioridade do nosso governo. O Saúde na Porta é mais uma iniciativa que tem por objetivo melhorar o acesso à saúde, indo aonde o povo está, nos bairros, sem que precisem se deslocar até o Centro”, disse o prefeito Miguel Jeovani.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia