Por rosayne.macedo

Rio - Com o estado passando por uma forte crise, os municípios do interior garantem a economia positiva com o turismo intenso durante o verão. Segundo a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Rio de Janeiro (ABIH-RJ), a ocupação na rede hoteleira em Armação dos Búzios nesta temporada chega aos 95%, Angra dos Reis aos 85% e Cabo Frio aos 60%, o que mostra a força do turismo nestas cidades.

"A alta do dólar tem feito com que turistas nacionais priorizem viagens internas, o que atrai muitos turistas para o Rio de Janeiro, além de incentivar viagens dentro do próprio estado. A valorização da moeda também é favorável para a entrada de turistas estrangeiros”, explica o presidente da ABIH-RJ, Alfredo Lopes.  

Entre os empresários da Região dos Lagos, um dos destinos mais procurados por moradores do Rio nesta estação, a expectativa também é alta. Segundo Cristina Ferraz, gerente geral do Pedra da Laguna Pousada & Spa, em Búzios, a crise, para a hotelaria, não existiu. "Passamos por crise para criar oportunidades e deu certo, nós estamos com ótimas expectativas e com a pousada lotada. Com este aumento do dólar as pessoas não saíram do Brasil e isso nos ajudou".  

Marcos Motta, diretor de vendas e marketing do Grupo Marina, responsável pelo Hotel Vila Rasa Marina, também de Búzios, concorda: "Essa é a tendência que deve se potencializar. Tanto entre os brasileiros, quanto com os estrangeiros que utilizam dólar e até peso, no caso dos argentinos, nosso principal mercado que está com políticas econômicas internas mais favoráveis ao consumo internacional".  

Expectativa para o Carnaval

Assim como nas festas de fim de ano, o interior fluminense espera receber um grande fluxo de turistas no Carnaval. De acordo com o levantamento feito pela Secretaria de Estado de Turismo e a TurisRio, a expectativa é que a região receba mais de dois milhões de visitantes no período.   

"Búzios, por exemplo, já está com as reservas 100% esgotadas. Petrópolis já supera a marca de 95%. Angra dos Reis, Mangaratiba e Itatiaia já estão com 90% de quartos reservados. Estes números animam o setor, e incentivam o trade a investir cada vez mais na qualidade dos serviços e equipamentos turísticos", explica o secretário de estado de Turismo, Nilo Sergio Felix.  

Arraial do Cabo e Teresópolis também apresentam altos índices de reservas: o primeiro muncípio já tem 90% ocupado, enquanto o segundo, 80%. Mais de 500 blocos e escolas de samba já estão confirmadas para animar a multidão nas cidades. Só em Niterói houve um aumento de 40% dos blocos de rua com relação ao ano passado.  

Cabo Frio recebe navios de luxo 

Nem só de hotéis vive o turismo de Cabo Frio. A cidade demonstra grande expectativa também para o retorno positivo para a economia graças ao alto índice de turistas que chegam através dos navios de luxo. Só nessa temporada, a cidade espera receber cerca de 34 embarcações, uma expectativa de 76 mil turistas. Até agora, a cidade já recebeu um total de 45,2 mil pessoas oriundos das embarcações. O que garantiu um retorno de R$ 4,5 milhões na economia local.  

Reportagem de Rita Costa

 


Você pode gostar