Denise Hills: escolhas e futuro

Cada vez mais, plataformas tecnológicas surgem para conectar pessoas, seja para mobilidade urbana, para viagens, trocar roupas de festa, compartilhar pertences que você usa pouco, enfim, aproveite esses espaços para criar economias coletivas que são benéficas para todo mundo

Por Denise Hills Sup. de Sustentabilidade e Negócios Inclusivos do Itaú Unibanco

Denise Hills
Denise Hills -

Rio - Cada vez mais, um movimento ganha força e espaço: a reflexão sobre o impacto das nossas escolhas de consumo. Essas discussões nos levam a repensar nosso estilo de vida e nosso relacionamento com o tempo e com as pessoas à nossa volta.

Para prolongarmos experiências positivas para nós e para as gerações futuras, o verbo compartilhar ganha importância: precisamos partilhar o que acreditamos para nos conectarmos com práticas que tenham impacto positivo no ambiente e na sociedade. Neste artigo, preparei algumas dicas que ajudam nessa reflexão.

Planejar-se financeiramente é desenhar um caminho mais tranquilo para conseguir atender às suas necessidades atuais e se preparar para realizações futuras. Para isso, o autoconhecimento nos ajuda a priorizar o que é importante e a agir conscientemente e com segurança, em vez de 'agir no automático'.

Considere opções com melhor custo-benefício, já que a opção mais barata pode fazer você comprar mais vezes (e sair mais caro), além de produzir mais dejetos para o mundo. Esperamos que, num futuro próximo, os produtos tenham sua matéria prima integralmente reaproveitada, voltando ao ciclo produtivo. Enquanto isso não ocorre, veja se não existem oportunidades de reduzir o lixo gerado, inclusive na sua alimentação: ao planejar o cardápio da semana você pode proporcionar uma alimentação mais saudável e evita desperdício.

Se possível, lembre-se de incluir pequenos negócios nas compras do dia a dia. Por exemplo: ao presentear alguém, você pode dar algo diferente, além de surpreender o presenteado, você incentiva a economia local.

Pesquisas apontam que as pessoas estão vivendo mais. Mais anos de vida significam mais experiências, novas profissões, novas amizades para serem vividas, e, para termos orgulho da história que construímos, vale refletir sobre nossas escolhas, nossas decisões e o que elas significam agora e no futuro.

Cada vez mais, plataformas tecnológicas surgem para conectar pessoas, seja para mobilidade urbana, para viagens, trocar roupas de festa, compartilhar pertences que você usa pouco, enfim, aproveite esses espaços para criar economias coletivas que são benéficas para todo mundo. Que tal colocar em prática essas ideias já, a partir de hoje? Que tal compartilhar hoje o mundo que você quer amanhã?

Denise Hills é supervisora de Sustentabilidade e Negócios Inclusivos do Itaú Unibanco

Comentários

Últimas de Opinião