Escola Municipal Leonardo Boff voltará a funcionar - Reprodução/Facebook EM Leonardo Boff
Escola Municipal Leonardo Boff voltará a funcionarReprodução/Facebook EM Leonardo Boff
Por O Dia
Petrópolis - A cratera aberta no Contorno, às margens da rodovia BR-040, em Petrópolis, em novembro de 2017, mudou a rotina dos moradores da região. Inclusive a escolar. Desde o incidente, a Escola Municipal Leonardo Boff precisou ser interditada e os alunos transferidos para outro prédio. O espaço, no entanto, retornará em breve.

"Queremos garantir o retorno dos alunos da escola com conforto e por isso a prefeitura vai fazer a obra. Todo o trabalho será acompanhado pelas secretarias envolvidas na questão, para garantir a celeridade no processo de licitação", afirmou o prefeito Bernardo Rossi após o encontro.

Em reunião realizada na última sexta-feira, que contou com a presença do prefeito Bernardo Rossi, do procurador da República Charles Stevan da Mota Pessoa, secretários municipais e de representantes da comunidade, definiu-se que a prefeitura irá abrir uma licitação para que a obra seja executada, o que permitirá que os 88 alunos matriculados na instituição possam voltar a estudar no local.

"Ficamos aliviados em saber que o poder público nos ajudará a recuperar a escola, o que representa o fortalecimento dessa comunidade que tanto já sofreu e ainda sofre por conta dos problemas ocasionados pela cratera", completou a diretora Angélica Domingas.