Comunidade Oswaldo Cruz receberá mutirão de vacinação

No último mutirão, cerca de 200 pessoas foram atendidas no Bairro da Glória

Por O Dia

Mutirão de vacinação vem sendo realizado em Petrópolis
Mutirão de vacinação vem sendo realizado em Petrópolis -
Petrópolis - O segundo mutirão de vacinação em Petrópolis já tem dia e local para ocorrer. Será neste sábado, das 9h às 16h, na associação de moradores da comunidade Oswaldo Cruz, no Valparaíso. O evento, aberto ao público, servirá para verificação das cadernetas de vacina de crianças, adolescentes e adultos.

No local, serão disponibilizadas 500 doses de vacinas de rotina, como Pneumo 10, Meningo C, Hepatite A, Hepatite B, Rotavírus, Febre Amarela, dT, DTP, dTpa gestante, Polio, Tríplice viral, HPV e Varicela. Com o surgimento recente de casos de sarampo no estado, a equipe da Vigilância Epidemiológica irá atuar para que a população que necessita, receba a vacina. A recomendação é de que homens e mulheres entre 1 e 29 anos e os profissionais de saúde tomem duas doses. Pessoas entre 30 e 49 anos, que ainda não foram vacinadas, precisam de apenas uma. Gestantes e pessoas imunodeprimidas não podem receber.

"Eventos como esse oferecem grande suporte para o alcance dessas comunidades com mais dificuldade de acesso aos serviços públicos. Neste dia o foco vai ser garantir a prevenção, promovendo a aplicação de vacinas importantes para imunizar a população, mas aproveitaremos a ocasião para oferecer outros serviços necessários para os moradores", destaca o prefeito Bernardo Rossi.

Além da vacinação, o mutirão irá oferecer também outros serviços, como aferição de pressão arterial, glicose e teste rápido para a identificação de Infecções Sexualmente Transmissíveis. Durante o evento, funcionários da Secretaria de Assistência Social irão realizar ainda atendimentos para orientação jurídica, nutricional, recreação infantil e avaliação de perfil para a realização do Cadastro Único para acesso a programas sociais do Governo Federal.

Para receber as doses das vacinas que estiverem pendentes é necessário apenas apresentar a caderneta de imunização e documento de identificação com foto. As mães que estiverem sem as cadernetas dos filhos, devem apresentar o documento com as informações de imunização da criança e requerer uma caderneta padrão. Caso ainda não possua, uma nova poderá ser requisitada no local.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários