O ranking é divulgado pelo IBGE e apresenta crescimento de R$ 120 mil em relação ao ano anterior  - Divulgação/Prefeitura de Petrópolis
O ranking é divulgado pelo IBGE e apresenta crescimento de R$ 120 mil em relação ao ano anterior Divulgação/Prefeitura de Petrópolis
Por O Dia
Petrópolis - Petrópolis volta a se destacar na Região Serrana com o maior Produto Interno Bruto. O ranking divulgado pelo IBGE é referente ao ano de 2017 e apresenta crescimento de R$ 120 mil em relação ao ano anterior chegando a R$ 12,8 bilhões. Esse número também faz com que o município tenha destaque no estado do Rio, na 8ª colocação, entre 92 cidades. O PIB é a soma de todos os bens e serviços finais produzidos pela cidade.
Além do destaque, o desenvolvimento econômico da cidade vem se mostrando como ambiente favorável na área economia. Um exemplo disso foi o destaque, pela primeira vez, no ranking "Melhores Cidades para se fazer negócios", divulgado em outubro desse ano. O levantamento, feito pela empresa de consultoria Urban Systems, mostra que, na análise geral de 317 municípios, Petrópolis ficou na 91ª colocação, única cidade da Região Serrana a aparecer no ranking final. O estudo é feito para a revista Exame, especializada em economia, negócios, política e tecnologia e tem como base sete indicadores. No quesito infraestrutura, Petrópolis ficou na 72ª posição.
Publicidade
Com relação à desburocratização dos serviços e fomento aos novos negócios, o poder público adotou em agosto de 2019 o Alvará Eletrônico Automatizado, sistema adotado pela Secretaria de Fazenda - integrado ao Regin – que permitiu, por exemplo, a legalização de 383 novos negócios nos 20 primeiros dias de funcionamento. Em todos os casos a emissão dos documentos foi feita menos de 24h após a solicitação dos empresários. São atividades consideradas de baixo risco que não precisam de licenciamentos junto a órgãos como Vigilância Sanitária e Corpo de Bombeiros. A intenção é facilitar a vida de quem quer iniciar um novo negócio ou legalizar uma atividade que já exerça.