Petrópolis recebe elogios pelo atendimento às famílias desalojadas

Após as fortes chuvas, equipes da Secretaria de Assistência Social estão assistindo 51 famílias que foram atendidas no ponto de apoio do Quitandinha

Por O Dia

O objetivo da equipe da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos foi verificar as demandas atuais do município
O objetivo da equipe da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos foi verificar as demandas atuais do município -
Petrópolis - A Secretaria Municipal de Assistência Social recebeu, nesta sexta-feira, na sede do Creas, a subsecretária de Estado de Assistência Social e Segurança Alimentar, Cristiane Lamarão. No trabalho pós-chuvas desta semana, a cidade contou com a parceria do Governo do Estado do Rio de Janeiro, que encaminhou 60 colchões, além de auxiliar o município para que as 59 famílias atingidas possam estar aptas a receber o pagamento do Aluguel Social.

Durante o encontro, a subsecretária conheceu todas as ações realizadas pela equipe da Assistência Social do município e percorreu as áreas afetadas pela chuva desta semana. O objetivo da equipe da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos (SEDSODH) foi verificar as demandas atuais do município, não só pela chuva pontual, mas a necessidade da cidade como um todo.

Apresentamos para os municípios um plano para que se preparassem para os períodos de chuva, e encontrei aqui uma cidade que já possui um plano formalizado que já é executado pela equipe. Petrópolis está pronta para atender às famílias. A cidade está de parabéns”, destacou Cristiane Lamarão.

As equipes da Secretaria de Assistência Social estão assistindo as 51 famílias que foram atendidas no ponto de apoio do Quitandinha, na Rua Amazonas, que fica na Escola Municipal Stefan Zweig, e outras oito famílias em bairros como Mosela, Alto Independência e Estrada da Saudade. Todas as famílias estão alojadas em casas de parentes.

Também participaram da visita, pela SEDSODH, a superintendente de Proteção Social Básica, Soraya Cavalcanti, e o coordenador do programa Aluguel Social, Bruno Domingos da Silva.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários